quarta-feira, 11 de maio de 2011

ENTROU PARA A HISTÓRIA!!! Em Carpina o primeiro casamento gay da história de Pernambuco

Na tarde do dia 10, aconteceu na cidade do Carpina a primeira união matrimonial reconhecida por lei entre pessoas do mesmo sexo do estado de Pernambuco. E os protagonistas desta história foram os promoters Fernando Reinaldo e Wellington Couto que completam esse ano nada a mais nada a menos que 31 anos de união. "Foi uma grande conquista. Espero que seja um incentivo para as pessoas que não tem coragem de assumir sua homossexualidade a encararem a situação." disse Wellington Couto que ainda falou da festa de comemoração: "No próximo dia 10 de junho haverá uma recepção para os nossos amigos  e o nosso presente será uma cesta básica de cada um de nossos convidados que será doada para uma entidade filantrópica"

A seguir um trecho da certidão de união estável do casal:
"Então pelos declarantes me foi dito que são solteiros e vivem como se casados fossem desde 19 de maio de 1980 e que por essa razão vêm formalizar essa União Estável, através deste instrumento público o qual será devidamente registrado no Cartório de Títulos e Documentos desta comarca. Declaram ainda que são solteiros, livres e desimpedidos para a realização deste ato através do qual por livre e espontânea vontade reconhecem e confirmam essa união estável. Que por força da lei, e pela vontade de ambos, ora manifestada, serão beneficiários respectivamente de quaisquer seguro, pecúlio ou pensões pelos quais eles, outorgantes, contribuintes, valendo esta declaração para todos os efeitos da lei."

Nada mais justo que duas pessoas que se amam independente de sexualidade mas sim, construíram uma vida inteira juntos tenham sua união oficializada pela justiça e tenham seus direitos de cônjugue amparados pela lei. Para mim é muito mais que questão material, e sim sentimental: é muita injustiça uma pessoa construír um patrimônio ao lado de outra e sem mais nem menos quando o outro se ausenta, os parentes do que se foi, as vezes até sem maldade, tomam posse de toda a história de um casal e do nada aquela pessoa que dedicou toda a sua vida a outra ver toda a sua história sumir como se fosse pó, ficando apenas na lembrança. Eu particulamente fiquei muito feliz com a conquista não só do casal mas de toda a categoria, pois todos tem direito de viver e amar como lhes é conveniente, isso não os obstrui de serem cidadãos de bem com caráter reto e íntegro dentro de uma sociedade, não podemos impor nossas vontades e nem punir os outros por serem diferentes de nós. Todos tem direito a seu espaço e merecem respeito. Então parabéns a Wellington Couto e Fernando Reinaldo, a todos os casais homossexuais e ao estado de Pernambuco, pois a quebra de certos tabus contribuem para a evolução da humanidade!
Essa é minha opinião, tenho 31 anos e espero ser respeitada...
                                              Danielle Nurse
Segue fotos:

Os promoters e suas testemunhas

Fernando Reinaldo e Wellington Couto com a certidão

Nenhum comentário: